O franchising tem se consolidado como um dos modelos de negócios mais seguros para quem deseja empreender, somente no primeiro trimestre o setor cresceu 7% e o faturamento passou de 38,762 bilhões de reais para 41,464 bilhões de reais, em comparação ao mesmo período do ano passado, conforme dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF). Neste mercado, o segmento de Casa & Construção demonstrou a melhor variação na receita entre janeiro a março, com crescimento de 12,9%, em comparação a 2018. O bom desempenho do setor contribuiu para que redes expandissem ainda mais suas operações, como é caso da RenoveJÁ – construtech de reformas e manutenções que está abrindo a segunda unidade em Campo Grande. A expectativa da marca é abrir mais duas unidades no Estado até 2020, com um investimento de 500 mil reais.

À frente da nova unidade está o engenheiro civil Murilo Pompilio (25), que viu na franquia uma nova maneira de construir e reformar. “Espero poder ajudar o maior número de pessoas e mostrar que é possível ter uma obra realizada dentro do prazo estabelecido e sem traumas”, comenta Pompilio. A nova unidade irá operar sob o modelo home office, que permite que o franqueado trabalhe em casa, evitando gastos extras como o de aluguel.

Com um investimento inicial de pouco mais de 7 mil reais, Pompilio está bastante otimista em relação ao novo empreendimento. “Tive uma breve experiência com uma startup, mas tivemos dificuldades em monetizá-la. Pela franquia ser um modelo de negócios validado, estou muito otimista. Melhor ainda é que estarei focando na minha paixão: a experiência dos nossos amigos, que é como chamamos nossos clientes”, diz Pompilio. A expectativa é que sejam realizadas mais de 200 reformas e manutenções no primeiro ano de operação.

A cidade de Campo Grande é uma das regiões listadas como prioritárias para a marca. “A capital do Mato Grosso do Sul é de extrema importância para a RenoveJá, e temos planos de crescer ainda mais nesse Estado, em nosso Plano de Expansão”., comenta Leôncio Neto, fundador da rede. A empresa pretende abrir xx unidades no Estado até 2020.

Entre os serviços oferecidos pela RenoveJÁ estão: reformas e reparos, como pintura, hidráulica, alvenaria, gesso, elétrica e manutenção, em imóveis residenciais e comerciais, e os clientes recebem o orçamento em até 24 com visita técnica gratuita. A rede também oferece 12 meses de garantia e possibilidade de parcelamento dos serviços.

A rede faturou 6 milhões de reais em 2018 e a expectativa é que encerre este ano com o faturamento de 30 milhões de reais, e alcance 60 unidades. Para os interessados em adquirir uma franquia, a marca opera com dois modelos de negócio, home office e loja, que pode ser operado dentro de home centers, com investimento inicial que varia de 15 a 50 mil reais.