Completando dez anos na Semana de Design de Milão, a Rio+Design reunirá 25 tipos de peças selecionadas pela Apex-Brasil para representar o estado do Rio de Janeiro no espaço Be Brasil, no FuoriSalone. No total, serão expostas 48 unidades. Realizada pela Secretaria de Estado da Casa Civil e Desenvolvimento Econômico há uma década, a mostra contará com 13 escritórios fluminenses para participar da edição 2018. O evento estará aberto à visitação de 17 a 22 de abril, na Via Pietro Maroncielli, 14.

A subsecretária de Comércio e Serviços, responsável pelo design no estado, Dulce Ângela Procópio destaca a importância da mostra para a divulgação da produção fluminense.

“ Mais do que orgulho, é uma missão mostrar ao mundo o que é que o Rio de Janeiro tem: design de qualidade e original. No mercado externo, nossos produtos vêm conquistando, cada vez mais, o apreço de compradores, distribuidores e da imprensa. Acredito que o resultado positivo, entre outras iniciativas, é fruto do trabalho desenvolvido nessa última década pela equipe da subsecretaria. A marca Rio + Design, assim como os nomes dos nossos designers, já está consolidada por apresentar sempre novidades durante o Salão do Móvel de Milão. E já estamos nos movimentando para estabelecer novas parcerias e negócios na edição deste ano”, comemora Dulce.

Móveis, objetos de decoração, utensílios para o cotidiano fazem parte da variada seleção de peças. Entre os estúdios, Indio da Costa Design, Studio Zanini, Estúdio Alcantarino e oEbanista, entre outros.

Participando pela primeira vez da mostra em Milão, a designer Renata Pereira, da Oficina 021, fala sobre a expectativa da estreia.

“A inspiração para a criação das luminárias surgiu da paixão pelo Rio de Janeiro. Buscamos desenvolver um produto que mostrasse a nossa percepção da cidade e seus elementos mais icônicos. Nossa expectativa com o Rio+Design é de promover a indústria criativa carioca, divulgando todo o potencial criativo existente na cidade e mostrando a qualidade e beleza de nosso trabalho”, destaca Renata.

Em sua quinta participação na mostra, o designer Ricardo Graham busca o fortalecimento da marca junto ao mercado internacional.

“Esperamos fazer contatos profissionais com vistas a vender as peças, promover nossas criações a empresas estrangeiras e brasileiras, realizando contato com indústrias, lojistas e imprensa”, finaliza Graham.

Fonte: Da Redação/Assessoria