O final do ano é a época ideal para reformas da casa. Motivados pelo recebimento do décimo terceiro, campanhas promocionais de grandes redes de material de construção e o fato da preparação do lar para os festejos de fim de ano, os consumidores buscam alternativas para deixar o imóvel renovado. Porém o assunto “reforma” pode remeter a lembranças não agradáveis para quem já passou por esse processo. Sujeira, gastos excessivos, barulho e lentidão são algumas das dificuldades enfrentadas.

Marcos Lima, gerente regional da Telhanorte, explica que é possível reformar a casa para o final do ano de forma econômica, rápida e sem dor de cabeça. “Algumas mudanças são essenciais para renovar o ambiente, como a pintura das paredes, a troca de piso por um vinílico, que pode ser aplicado sobre o piso existente, e a mudança de itens decorativos, como luminárias, pendentes, quadros e tapetes, que já dão uma cara nova ao local”.

O profissional também enfatiza a importância de dar atenção aos banheiros e cozinhas. “A cozinha é naturalmente o cômodo que reúne a família para a preparação da ceia. Trocar as torneiras e acabamentos é uma excelente alternativa, principalmente, por conta da gama variada de modelos que se diferenciam pelo design, cor e funcionalidades. Nos banheiros e lavabos, a dica é investir em pias e cubas modernas, assim como espelhos. Plantas também trazem um ar aconchegante ao ambiente”.

Na varanda e jardim, as opções de mesas e cadeiras em madeira conferem um tom rústico e aconchegante, tornando o espaço ideal para as confraternizações. “Em apartamentos, vale apostar no jardim vertical, que traz todo um charme e renova as energias. Dessa forma, curtir as festividades com a família e receber as visitas em um lar reformado se torna ainda mais prazeroso. Basta procurar soluções acessíveis e apostar na criatividade,” conclui Marcos.

Fonte: Da Redação/Assessoria/Telhanorte